Dicas

Informação livre: copie, imprima, distribua, envie por email, carta, fax, rádio, TV ou pombo correio.

Orientações nutricionais para o Natal e Ano Novo:

A alimentação saudável deve ser a tônica de nossas preocupações o ano todo, porém, nessa época de fim de ano é comum deixarmos de lado nossos esforços e dedicação, em vista das festas alegres, abusos e exageros que ocorrem durante as comemorações. Mas, não precisa ser dessa forma, podemos aproveitar as ceias e festas desse período comendo bem e adequadamente – a palavra de ordem deve ser “bom senso”! Para isso, algumas regras simples devem ser seguidas:

– Pensando na ceia de Natal e demais festividades, evite ir ao supermercado de “estômago vazio” e sempre prepare uma lista de compras com antecedência, atendo-se a ela;

– Sirva-se em um prato menor, começando pelas saladas que lhe proporcionarão uma sensação de saciedade mais rapidamente;

– Procure substituir alimentos menos saudáveis por aqueles com mais nutrientes e não prejudiciais, por exemplo: no lugar de maionese, prefira molhos a base de iogurte; no lugar de frituras, dê preferência a carnes assadas ou grelhadas;

– Procure escolher alimentos com pouca gordura, sal e açúcar e substitua, sempre que possível, os alimentos comuns por “lights” e “diets”;

– Evite ficar muito tempo sem se alimentar;

– Dê preferência a alimentos mais leves, como vegetais folhosos, frutas e carnes magras;

– Prefira as carnes na forma assada, grelhada ou cozida, retirando a gordura visível antes do preparo e evitando frituras;

– Consuma pequenas porções de alimentos e não exagere, você não precisa experimentar tudo o que tiver disponível;

– Prepare um prato colorido, para abranger os vários tipos de nutrientes;

– Mastigue devagar, saboreando o alimento e procurando perceber o sabor, a textura e os aromas de cada preparação;

– Não exagere nas bebidas alcoólicas – se possível, evite-as;

– Se for mesmo ingerir bebidas alcoólicas, intercale com água, assim, você diminui o consumo de álcool, evita desidratar-se e bebe menos;

– Dê preferência a sucos naturais, no lugar de refrigerantes e lembre-se que não é aconselhável ingerir líquidos durante as refeições;

– No momento das sobremesas, prefira as frutas aos doces;

– Por fim, aproveite bastante essa época, sem se esquecer de que o foco não é a “comida”, mas a confraternização – festejar, partilhar alegrias e estar junto das pessoas que ama!

Boas Festas.

Equipe Nutri-Vida

_____________________________________________________________________

 

Efeitos colaterais no tratamento de câncer, dicas para controlar os sintomas:

Dicas extraídas do site do ICESP!

Náuseas e vômitos

O que você deve fazer:

  • Prefira alimentos gelados ou em temperatura ambiente.

  • Faça pequenas refeições em menor intervalo de tempo.

  • Coma devagar e mastigue bem os alimentos.

  • Beba sucos ou chupe gelo ou picolé de frutas cítricas, como limão (se não estiver com feridas na boca) nos intervalos das refeições.

  • Realize suas refeições em lugares bem arejados.

O que você deve evitar:

  • Frituras e alimentos gordurosos.

  • Doces concentrados, como compotas, goiabada, marmelada.

  • Condimentos fortes (pimenta, catchup, mostarda, molho inglês, por exemplo).

  • Deitar-se após as refeições.

  • Ficar próximo à cozinha durante o preparo das refeições.

Diarréia

O que você deve fazer:

  • Consuma líquidos em abundância: chás, sucos coados e principalmente água.

  • Procure ingerir alimentos como batatas, chuchu, cenoura cozida, aipim, inhame, cará, creme de arroz, arroz, macarrão com molho caseiro coado, farinhas, torradas, biscoito água e sal ou de maisena, carnes grelhadas (frango, peixe ou boi).

  • Prefira sucos de frutas coados: limonada, caju, maçã e laranja sem açúcar.

  • Prefira leite de soja.

  • Consuma as frutas: banana-maçã, maçã e pêra sem casca, goiaba sem casca e semente, caju.

  • Consuma apenas o caldo de leguminosas (feijão, ervilha, lentilha, grão de bico).

O que você deve evitar:

  • Leite e derivados.

  • Alimentos gordurosos (manteiga, toucinho, banha, creme de leite, por exemplo).

  • Frutas cruas em geral.

  • Frutas e sementes oleaginosas (abacate, coco, nozes, amêndoas, amendoim, castanhas).

  • Condimentos picantes (páprica, pimenta, mostarda, catchup, por exemplo).

  • Conservas em geral (picles, azeitona, palmito, aspargos, milho e ervilha).

  • Embutidos (salsicha, lingüiça, presunto, salame, mortadela, por exemplo).

  • Leguminosas (feijão, ervilha, lentilha, grão de bico).

  • Hortaliças cruas: legumes e verduras folhosas.

  • Alimentos de causam flatulência (gases), como couve-flor, brócolis, repolho e ovo.

Intestino preso (constipação)

O que você deve fazer:

  • Consuma líquidos em abundância (chás, sucos diluídos e principalmente água).

  • Prefira frutas laxativas: ameixa, laranja, mamão, abacate, ameixa seca, manga, banana nanica.

  • Consuma as frutas com casca e bagaço, quando possível.

  • Consuma preferencialmente hortaliças cruas (legumes e verduras).

  • Consuma farelo de cereais (arroz, aveia ou trigo).

  • Consuma produtos integrais (arroz, pães e torradas).

  • Consuma leguminosas regularmente (ervilha, feijão, grão de bico, lentilha, soja, por exemplo).

  • Consuma leite e derivados: iogurte, leite fermentado, mingau de aveia.

O que você deve evitar:

  • Alimentos constipantes, como ricota fresca, queijo branco, sagu, tapioca, maisena, arrozinha, banana prata, banana maçã, pêra, goiaba e maçã sem casca e sem sementes, caju.

Boca seca (xerostomia)

O que você deve fazer:

  • Prepare as refeições com caldos ou molhos.

  • Se não houver feridas na boca, chupe balas azedas e/ou ácidas, picolés ou gelo e mastigue chicletes (de preferência sabor menta), que podem ajudar a produzir mais saliva.

  • Consumir líquidos em abundância: chás, sucos diluídos e, principalmente, água.

O que você deve evitar:

  • Comer alimentos secos.

Feridas na boca (mucosite)

O que você deve fazer:

  • Consuma alimentos macios e pastosos.

  • Prefira alimentos gelados ou à temperatura ambiente.

  • Se necessário, utilize alimentos líquidos ou liquidificados.

O que você deve evitar:

  • Alimentos ácidos, picantes ou muito salgados.

  • Alimentos muito quentes.

Dor para engolir (odinofagia)

O que você deve fazer:

  • Preparar sua refeição na consistência que for mais bem tolerada, que ofereça menor dificuldade para mastigar ou engolir, podendo variar entre branda, pastosa ou líquida (conforme avaliação da fonoaudióloga).

  • Tomar pequenos goles de água ou suco durante as refeições podem ajudar a engolir.

  • Faça as refeições em pequenas quantidades, várias vezes ao dia.

Ausência ou alteração de paladar

O que você deve fazer:

  • Enxágue a boca com água pura antes das refeições ou faça bochechos com chá de camomila antes das refeições.

  • Experimente balas azedas e/ou ácidas ou gotas de limão (30 gotas em 1 copo de 200ml) ou gelatina de limão (caso não apresente feridas na boca).

  • Use temperos naturais em maior quantidade, como: manjericão, orégano, salsinha, hortelã, alecrim, coentro, por exemplo.

  • Substitua os talheres de metal pelos de plástico, caso sinta sabor residual metálico.

  • Mantenha boa higiene bucal.

O que você deve evitar:

  • Consumir alimentos muito quentes ou muito gelados.

 

Por: Moacir Silva

__________________________________________________________________

Dicas para orientação nutricional de pacientes HIV+:

Com perda de apetite

– Realizar refeições fracionadas (com intervalos de 2 a 3 horas);

– Ingerir mais alimentos no período da manhã, quando o apetite está maior;

– Consumir os alimentos que mais preferir;

– Consumir alimentos com alta densidade energético-protéica (como vitaminas com leite, mingau);

– Tomar sopas, caldos, mingaus e vitaminas engrossados com módulos  específicos de energia e proteínas;

– Evitar líquidos durante as refeições;

– Comer em ambiente tranquilo e agradável.

Com náuseas e vômitos

– Preferir alimentos salgados e secos;

– Fracionar as refeições (5 a 6 vezes/dia);

– Preferir as frutas: maçã, pêra e banana-maçã;

– Mastigar bem os alimentos;

– Comer em ambiente tranquilo e agradável.

Com diarréia

– Evitar leite e derivados (iogurte, queijo), substituir por leite de soja e derivados;

– Evitar alimentos ricos em fibras insolúveis (folhas, frutas com bagaço e casca, cereais), preferindo fibras solúveis (gomas, mucilagens);

– Preferir carnes magras e brancas;

– Preparar as carnes cozidas, grelhadas ou assadas;

– Beber bastante líquido: água, água de coco, sucos diluídos e bebidas isotônicas;

– Comer várias vezes ao dia (5 a 6 refeições).

Obs: Considerar o uso de probióticos nos pacientes com terapia de antibióticos a longo prazo (http://www.lojanutrivida.com/dietas.html?cat=117).

Por: Carolina Araújo